Há alguns dias atrás participei da Campus Party Brasil (#CPBR9) e ministrei o workshop Trabalhando com Posts e Campos Personalizados. A apresentação foi muito bacana, porém, nos dias anteriores eu estava tendo problemas com meu servidor na DigitalOcean e meu site ficou fora do ar!

Nesse post falarei sobre a ferramenta que utilizei para consertar esse problema.

EasyEngine.io é um sistema de linha de comando baseado em Phyton para configurar servidores NGINX em distribuições Linux (Ubuntu ou Debian) para rodar HTML, PHP, MySQL, HHVM, PageSpeed e sites WordPress.

O EasyEngine é mantido pela rtCamp que, há anos atrás, criou o rtMedia (conhecido anteriormente como BuddyPress Media e que eu ajudei a traduzir) e fiquei impressionado ao saber que foi lançado oficialmente em 2013!

Ele é bem fácil de ser instalado em seu servidor, mas você precisa ter acesso SSH. Então já passou da hora de você sair daquela sua hospedagem compartilhada.

A melhor opção é instalá-lo em um servidor novinho em folha. No site deles você encontra os guias de como criar um novo servidor na AWS, Linode e DigitalOcean.

Após ter criado seu novo servidor, acesse-o via SSH e rode o seguinte comando para instalar a versão mais recente do EasyEngine (ee):

Agora já podemos criar nosso site usando também um comando do EasyEngine (não se esqueça de alterar example.com pelo domínio correto do site que você instalará nesse servidor):

Pronto, você acabou de instalar o WordPress usando Nginx, cache do Nginx, php5-fpm e MariaDB.

Com esses dois comandos consegui criar uma nova instalação e depois migrar todo meu conteúdo manualmente (banco de dados e arquivos) em menos de 5 minutos.

Essa configuração padrão é tão boa que você pode até mesmo desabilitar o PHP do servidor após ter gerado o cache, que seu site continuará exibindo todo seu conteúdo. Quer fazer o teste?

Acesse alguma página do seu site e rode o seguinte comando:

Agora volte na sua página no site e a atualize. Ela continuará sendo exibida!

Não se esqueça de ligar o PHP novamente hein 😉

O EasyEngine tem uma lista bem útil de comandos mas o mais interessante é o ee site create, com ele você pode criar até 15 tipos diferentes de instalações WordPress.

Agradeço ao Claudio Sanches por me indicar essa maravilha da tecnologia.

Deixe uma resposta