Minha única tentativa de retrospectiva foi há três anos atrás com o post Menos 2 itens na lista onde falei sobre a nova versão do meu site (que agora já está velho), minha migração para o Ubuntu e minha falta de vontade de perder alguns quilos.

Quem acompanha meu blog sabe que não costumo fazer retrospectivas, mas 2015 foi incrível!

Me casei

Depois de namorar durante vários anos, finalmente me casei com a Lidiane em Setembro.

Caso você queira saber um pouco da nossa história, o hotsite do casamento ainda está no ar 🙂

Começamos a organizar tudo em Maio, mês em que conseguimos comprar nosso apartamento em São Paulo, e fizemos uma cerimônia linda e uma festa divertida pra caramba.

Tirei um projeto do papel

Tudo começou com a hashtag #1PostPerDay. Calma, eu não escrevi um post por dia em 2015, mas o Fernando Daciuk tentou e conseguiu durante um bom tempo.

Motivado por essa fera do JavaScript decidi tirar algumas ideias da cabeça e lancei o WordPress Security Checklist, que é uma lista de ações a serem tomadas para proteger sua instalação do WordPress.

WordPress Security Checklist

A lista começou como algo bem básico e, como minha ideia era manter a lista no GitHub, decidi usar HTML para facilitar o recebimento de Pull Requests e não ter nenhuma dor de cabeça na hora da publicação.

Graças ao Deblyn Prado, em Julho comecei a usar o Jekyll para gerenciar o projeto. Com isso pude separar o conteúdo, que passou a ser escrito usando Markdown, do HTML e mesmo assim manter o projeto hospedado no GitHub Pages.

Essa decisão foi muito importante por que facilitou imensamente a colaboração e o projeto começou a receber alguns recursos importantes:

Não escrevi um post por dia mas esse projeto me deixou muito feliz por aprender coisas novas e por receber tantas contribuições.

Participei de alguns WordCamps

Em Junho palestrei na segunda edição do WordCamp Belo Horizonte sobre Como enviar newsletters no WordPress.

Em Agosto participei da segunda edição do WordCamp Rio de Janeiro e, como o Mário Ernesto me lembrou, foi meu primeiro WordCamp brasileiro em anos que compareci sem estar organizando ou palestrando.

No final de Novembro tivemos a quarta edição do WordCamp São Paulo (evento que ajudei a organizar) e foi épico!

Se alguns palestrantes não tivessem cancelado apenas três dias antes do evento (tivemos 5 cancelamentos na semana do evento), o número de apresentações sobre Marketing e Conteúdo e Design teriam sido ainda maiores.

Agora me diga, onde você encontra um evento que custa R$ 45, te dá tudo isso de conteúdo e ainda te dá o almoço, cafés (da manhã e da tarde), camiseta e bolsa?

Depois de toda a correria com o WordCamp São Paulo, embarquei para a Philadelphia para participar do primeiro WordCamp United States. Foi uma experiência fantástica que espero ter um tempinho para escrever mais aqui.

Você pode ver as fotos dessa viagem nesse álbum do Google Photos.

Mudei de emprego

Escrevi um post em Agosto falando sobre minha experiência durante os 17 meses em que trabalhei na MailPoet. Foi um período bem corrido porque, como falei acima, eu havia comprado um apartamento alguns meses antes e estava planejando meu casamento. Saí de lá dia 13 de Julho (dia de rock, bebê) e voltei a fazer freelas para pagar todas as contas que não paravam de chegar.

Na mesma semana que saí da MailPoet decidi enviar um email para a Automattic me candidatando à vaga de Happiness Engineer. Mandei o email sem acreditar que teria alguma resposta (afinal eles devem receber centenas de currículos todos os meses),mas como toda essa galera que citei acima ficava falando “você precisa aplicar para essa vaga!”, mandei o email assim mesmo.

No final de Julho tive uma resposta da Erica Varlese me falando que a Automattic estava cogitando começar a oferecer suporte em Português do Brasil para os usuários do WordPress.com e, como precisariam criar todas as ferramentas para gerenciar essas contratações, ela gostaria de voltar a conversar comigo em algumas semanas. Assim se passou Agosto.

No começo de Setembro recebi um email me perguntando se eu ainda estava interessado (é claro que eu estava) e se eu aceitaria fazer um teste (é claro que aceitei).

Assim a Karen Alma me enviou uma mensagem com uma dezena de perguntas recebidas pelo suporte do WordPress.com e mais uma dezena de tarefas relacionadas a domínios, configuração de DNS, pagamentos etc. e me disse: “Não tenha pressa. Leve o tempo que precisar.”

Usei meu tempo vago para fazer todas as tarefas e respondi o email depois de três dias.

Mais alguns dias se passaram e recebi uma mensagem perguntando quando eu estava disponível para uma conversa por chat. Na hora pensei: “OK, vão agradecer pelo meu tempo e me darão uma resposta negativa”. Minha surpresa foi que durante essa conversa a Karen me informou que eu havia passado pelos testes e que gostaria que eu começasse meu período de experiência e me deu duas datas possíveis para começar o trial. Escolhi o dia 28/09 mesmo sendo apenas 2 dias após meu casamento (eu estava ansioso para começar).

Assim comecei minha história na Automattic, onde sou um Happiness Engineer desde Novembro.

E hoje estou no blog do WordPress.com no post:

Brasileiros na Automattic: Conheça Rafael Funchal

2015 foi foda!

Só tenho a agradecer a todos que estiveram presentes durante esse ano, mas lógico que serei romântico e farei um agradecimento especial à Lidiane Rocha, minha esposa, que sempre esteve presente e tornou possível que esses momentos existissem <3

Fato bônus: Terminei o ano pesando menos de 3 dígitos

Deixe uma resposta